A Câmara de vereadores de Natal tem encontrado dificuldades para discutir a revisão do plano diretor da cidade até o fim do ano. Alegam que faltará tempo suficiente. Mas encontrou um espaço para colocar na pauta de votações da casa um requerimento do vereador Cícero Martins (PSL) que concede título de cidadão natalense ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do presidente Jair Bolsonaro.

O debate para a concessão do título na sessão ordinária desta quarta-feira (6) suscitou a polêmica fala de Eduardo Bolsonaro que defendeu um retorno do AI-5, que foi instituído no período mais duro da ditadura militar.

Mas apesar dos embates e argumentos contrários, a maioria dos vereadores decidiu homenagear Eduardo Bolsonaro com o título de cidadão natalense, título que segundo a lei que criou a comenda, é garantido a pessoas por relevantes serviços prestados à cidade. O vereador Fernando Lucena (PT) criticou a propositura. “Esse rapaz não sabe nem onde fica Natal. Ele disse que com um cabo e um sargento se fechava o STF e agora Propôs um novo AI-5 que pra quem não sabe ou não lembra fechou o congresso, as casas legislativas. Ele quer fechar a câmara e nos vamos aplaudir?”, indagou o vereador.

Para a vereadora Júlia Arruda (PDT), a câmara de Natal está na contramão do movimento democrático nacional que questiona os posicionamentos e declarações do parlamentar e pedem inclusive sua cassação. “Lamento que a câmara por maioria consagre e homenageia Eduardo Bolsonaro. Votei contra e de forma convicta. Não o admiro e acho que se ele ficasse calado prestaria um grande serviço a nação. Ele não merece o título de cidadão natalense”, disse Júlia.

O blog entrou em contato com as assessorias do presidente da casa, vereador Paulinho Freire (PSDB) que votou favoravelmente ao título e com Cícero Martins, o propositor, mas não obtivemos retorno até o fechamento dessa matéria.

Veja abaixo como foi o voto de cada um dos vereadores de Natal na sessão de ontem que concedeu o título de Cidadão natalense para Eduardo Bolsonaro.

Não
1 – Divaneide Basílio (PT-RN)
2 – Fernando Lucena (PT-RN)
3 – Kleber Fernades (PDT-RN)
4 – Júlia Arruda (PDT-RN)
6 – Franklin Capistrano (PSB-RN)
7 – Maurício Gurgel (PSOL-RN)

Sim
1 – Cícero Martins (PSL-RN)
2 – Eleika Bezerra (PSL-RN)
3 – Paulinho Freire (PSDB-RN)
4 – Sueldo Medeiros (PHS-RN)
5 – Dinarte Torres (PMB-RN)
6 – Aroldo Alves (PSDB_RN)
7 – Ary Gomes (PDT-RN)
8 – Bispo Francisco de Assis (PRB)
9 – Chagas Catarino (PDT_RN)
10 – Dagô Do Forró (DEM-RN)
11 – Dickson Nasser (PSDB-RN)
12 – Raimundo Jorge
13 – Preto Aquino (Partriota)
14 – Robson Carvalho (PMB-RN)
15 – Klaus Araújo (Solidariedade)
16 – Ney Lopes (PSD-RN)
17 – Érico Jácome (Podemos)

DEIXE UMA RESPOSTA