A Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte, Secretaria Municipal de Saúde de Natal e diversos órgãos têm coletado os exames da população para detectar positivo ou não a Covid-19 (Coronavírus). Os exames estão sendo realizados no Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Norte-LACEN/RN (localizado no Hospital Giselda Trigueiro) e junto com o Instituto de Medicina Tropical (IMT) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). 

Segundo os levantamentos do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS), da UFRN, o bairro de Petrópolis, Zona Leste de Natal, é o que concentra o maior número da Covid-19 na cidade. Abaixo, os números gerais. O percentual indica onde se concentram os casos confirmados por bairros de Natal. Os dados, que estão sendo avaliados por uma equipe de pesquisadores, podem ir mudando ao longo do tempo. Confira abaixo o cenário:

‪Cenário em Natal/RN‬:

‪- 30% dos casos estão no bairro Petrópolis‬

‪- 20% no Tirol‬

‪- 10% em Lagoa Nova‬

‪- 10% Candelária ‬

‪- 10% Capim Macio‬

‪- 10% Ponta Negra‬

‪- 10% na Zona Norte (Potengi)‬

‪Fonte: covid.lais.ufrn.br

De acordo com o coordenador do LAIS, professor doutor Ricardo Valentim, o Coronavírus-RN, é um sistema de informação que busca dados do Governo Federal, Governo Estadual e de outras fontes, e o maior objetivo é processar as informações, mais bem detalhadas, mostrando o cenário atual no nosso estado bem como estudos de projeção que refletem o que está sendo feito e o que está acontecendo no nosso país. Quer dizer, ofertar à população uma informação qualificada. Valentim reforça que os dados são relevantes para que o poder público possa se embasar, tomar as decisões e possa esclarecer melhor a situação em que o RN se encontra em relação a outras regiões do Nordeste. 


DEIXE UMA RESPOSTA