OMS afirma que vacina de Oxford, testada no Brasil, é a mais avançada no combate à Covid-19

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou, nesta sexta (26), algumas informações sobre o andamento das vacinas, que estão em fase de testes, para combater o coronavírus. De acordo com a cientista-chefe da entidade, Soumya Swaminathan, a vacina que está em estágio mais avançado é a ChAdOx1 nCoV-19, produzida pela Universidade de Oxford em parceria com o laboratório AstraZeneca e testada no Brasil e na África do Sul, após ter resultados positivos no Reino Unido.

A cientista disse que também há uma outra vacina que “não fica muito atrás” desta última, que é a Americana Moderna. Atualmente são mais de 200 vacinas candidatas, sendo que 15 já estão em fases clínicas. A AstraZeneca começou a ser testada no Brasil há duas semanas atrás e foi aplicada em voluntários, sendo que os primeiros resultados devem sair até setembro.

Eugênio Bezerra

Jornalista, editor, blogueiro, redator, apresentador, comunicador, radialista e outras coisas mais...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *