Vaticano entrou para a Internet das Coisas: o Click to Pray eRosary é um rosário inteligente, que pode ser usado como um wearable e permite ao usuário rezar conectado à rede, que faz parte de um esforço da Santa Sé para atrair mais jovens.

O eRosary é mais um passo na direção de um mundo 100% conectado, que a Igreja Católica não pode se dar ao luxo de ignorar.

O gadget é sob todos os aspectos um rosário comum, que pode ser usado da maneira tradicional, mas conta também com uma memória interna na cruz para armazenar os dados do usuário; ele se conecta com o celular através de gestos (obviamente o sinal-da-cruz, segundo nota do Vaticano) ao app Click to Pray, que oferece diversas orações da liturgia católica, não apenas os mistérios do rosário.

O Click to Pray é uma rede cristã, criada com aval do papa Francisco (que possui seu próprio perfil) de modo que o novo produto vestível seja “um convite aos jovens para rezar pela paz no mundo”, de acordo com o padre Frédéric Fornos, diretor internacional do Apostolado da Oração.

Segundo o Vaticano, o fiel poderá acompanhar seu progresso nas orações diárias e compartilhar suas intenções com outras pessoas e com a Igreja per se, já que os pedidos e agradecimentos são considerados orações válidas. E por ser um produto vestível, o eRosary também oferece monitoramento de dados de saúde, como a quantidade de passos dados por dia.

O Click to Pray eRosary pode ser adquirido no site erosary.clicktoprayerosary.org, que direciona a compra para a loja digital da Acer Italy e por enquanto, só pode ser adquirido na Itália por € 99 (~R$ 346, cotação de 17/11/2019).

Já o Click to Pray é um app gratuito, podendo ser baixado em apps.apple.comou play.google.com.

Com informações: Vatican News.



DEIXE UMA RESPOSTA