A primeira vacina contra o coronavírus testada em pessoas apresentou “resultados positivos provisórios” e capazes de estimular uma resposta imunológica contra o vírus, segundo anúncio da empresa Moderna, do setor de biotecnologia, dos Estados Unidos.

A vacina, oferecida em duas doses, aparentemente produziu uma resposta imune em oito pacientes que a receberam em março. Esses oito voluntários saudáveis criaram anticorpos que depois foram testados em células humanas em laboratório e conseguiram impedir a replicação do vírus, segundo o estudo.

Os níveis dos chamados anticorpos neutralizantes seriam semelhantes aos encontrados em pacientes que se recuperaram da covid-19 após terem contraído a doença. A empresa disse que a terceira fase será feita com testes em cerca de 600 pessoas e começará em julho. A Food and Drug Administration (FDA), o equivalente à Anvisa no Brasil, já deu aval para a nova fase dos testes.

Fonte: Jornal O Globo

DEIXE UMA RESPOSTA