O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recorreu à Lei de Produção de Defesa – criada nos anos 1950 -, para forçar a gigante industrial 3M a suspender as exportações de máscaras usadas por profissionais principalmente da América Latina e o Canadá.

Agora, o Governo Trump, através do Departamento de Estado dos EUA, publicou uma oferta encorajando a contratação de médicos e enfermeiros “que buscam trabalho nos EUA ou querem trocar o visto de visitante, principalmente os que estão lidando com a pandemia de coronavírus”.

O anúncio indica que os profissionais que já estão nos EUA com esse tipo de visto podem falar com as autoridades sobre a possibilidade de estendê-los. A notícia provocou o temor de que os EUA estejam tentando tirar médicos de países que já estão sofrendo com a pandemia do coronavírus e poderiam ficar sem mão de obra qualificada em um momento de extrema necessidade.Fonte: https://www.conversaafiada.com.br/ e A Gazeta (adaptados)

DEIXE UMA RESPOSTA