A Prefeitura de Natal terá previsão de receita de R$ 2,7 bilhões para o próximo ano, conforme o projeto de lei para o Orçamento Municipal aprovado, nessa quarta-feira (06). A matéria teve 245 emendas aprovadas, das 256 apresentadas. A proposta do Executivo para a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2018 começou a ser votada em segunda discussão na última terça-feira (05).
De acordo com a equipe técnica da Prefeitura, com base na inflação do período, houve um incremento de 8,18% no orçamento em relação ao ano anterior. As maiores despesas previstas ficam com pessoal, encargos sociais, saúde e educação. O projeto ainda prevê que o Executivo poderá abrir créditos suplementares de até 9% do total da receita autorizada, para atender demandas não computadas ou insuficientemente dotadas na LOA.
O presidente da Casa, vereador Raniere Barbosa (PDT), ficou satisfeito com o andamento dos debates e a produtividade legislativa. “Acredito que vivemos um momento histórico neste parlamento, haja vista que conseguimos encartar um grande volume de proposições à redação-final do projeto. Temos que ressaltar a maturidade dos edis, que se preocuparam em melhorar ao máximo a peça orçamentária”.

DEIXE UMA RESPOSTA